sábado, 15 de novembro de 2008

Independência ou morte!


Em setembro deste ano, quando recebi a visita do meu primo, revivi alguns momentos musicais que estavam guardados na memória. O André, assim como eu, curte muito bandas como Pearl Jam, Rolling Stones e Offspring. Enquanto aproveitávamos uma praia numa cidade próxima de Fortaleza, conversávamos sobre o destino de cada uma delas.
E apesar de gostar muito de offpsring, dentre essas bandas, era a que eu menos sabia dos caminhos atuais. Até perguntei para ele se ainda existia. Offspring foi uma das bandas que mais marcou uma época muito boa da minha vida - o segundo grau.
Depois que o Dé foi embora, busquei no fundo da gaveta meus cds dessa banda, tirei a poeira e baixei tantas outras músicas para o meu ipod. E desde então ele voltou a dominar o som do carro ou da minha corrida, disputando espaço com música clássica.
Na terça, enquanto ia para o trabalho, atrasada porque tinha uma entrevista às 7:30 da manhã, vi um outdoor que me chamou a atenção: The offspring, em Fortaleza, no dia 15/11. Fiquei EUFÓRICA. Vasculhei na minha memória qual dos meus novos amigos do Ceará poderia ir comigo ao show e logo percebi que não teria nenhuma companhia. Por alguns instantes me lamentei por deixar de curtir uma das minhas bandas prediletas.
Me lembrei que em janeiro de 2005 deixei de ir ao show dos Stones no Rio e decidi que não repetiria o mesmo feito, pois me arrependo até hoje. Comprei meu ingresso e, sozinha, pela primeira vez, saí de casa, para ouvir uma banda.
Esse foi o meu grito de independência total. Este post é quase um twitter porque eu acabei de chegar em casa, depois de um dos melhores shows que assisti na vida, e estou muito agitada para dormir.
Essa foi a melhor viagem no tempo que fiz há anos. Em alguns momentos, fechei os olhos e fiquei apenas sentindo a música. Foi muito bom. Nunca imaginei que algum dia poderia assistir a um show deles. Tocaram algumas das músicas que eu mais gosto, como smash it up, why dont you get a job, bad habit e L.A.P.D. Estava no front stage e fiquei tietando na frente do palco. Estou extasiada....

14 comentários:

RC disse...

Não entendi por que não vêm pra Brasília.

Madame Mim disse...

Gosto do Offspring, mas já faz tempo que não tenho mais paciência para ir em shows.
É muito bom saber que conseguimos fazer o que queremos, sem precisar de cia.
Depois de tentar, várias vezes, buscar cia para meus programas de rappel, canoagem e etc, desisti e comecei a ir sozinha.
Bom que ainda conheci gente nova.
Cinema eu vou de vez em quando tbém, mas é mais chato.
beijos

Paula Menna Barreto Hall disse...

Bel, não vou a um show há anos!!!!! Mas o seu aí deve ter sido uma delícia, fiquei curtindo junto a sua euforia. Parabéns! garotinha, pela independência. beijocas

Bel Lucyk disse...

Rc - Brasília nunca é o destino dessas bandas, né? Quando morava aí eu sempre ficava chateada por isso!

Madame Mim - o dia que eu conseguir criar coragem pra fazer rappel, eu te acompanho! kkkk É, e é realmente legal conhecer novas pessoas, sempre!

Paula, eu não iria ao show se não fosse de uma banda assim, tão importante pra mim, sabe? Eu não tenho saco pra multidão, mas eu tava tão no clima da banda que nem me importei! =)

nai disse...

Bel, o mais gostoso é ver sua empolgação e as descobertas de fazer coisas sozinha.
Eu aprendi isso em Brasília, apesar de ter muitos amigos por lá, mas eu curti muito, e hoje me faz falta.

bjs

Bróder disse...

Bel,
Eu descobri o prazer em fazer coisas sozinhas e tenho me divertido muito ultimamente.
É muito gostoso quando começamos a nos curtir assim...um grito de independência!:)
Beijocas!
PS: O Zeca não vai mais pra Fortaleza, ele me disse que agora quer morar o resto da vida comigo...

Fafá Póvoas disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Fafá Póvoas disse...

Achei o máximo amiga! Eu teria feito o mesmo. Com toda certeza!!!The Offspring é bom demais! Adoroooo!!! E olha que é dificil eu gostar de uma banda americana, pq normalmente eu só gosto das bandas Britânicas.

Nesse tipo de show o melhor é ir sozinha mesmo, porque assim tietamos com "vontade" ahahahahahaha

Fafá Póvoas disse...

Achei o máximo amiga! Eu teria feito o mesmo. Com toda certeza!!!The Offspring é bom demais! Adoroooo!!! E olha que é dificil eu gostar de uma banda americana, pq normalmente eu só gosto das bandas Britânicas.

Nesse tipo de show o melhor é ir sozinha mesmo, porque assim tietamos com "vontade" ahahahahahaha

Felipe Campbell disse...

Eu nem era tão fã de offspring e fui a um show deles quando morava na austrália e o show foi do caralho. Eles são bons músicos, o show é muito agitado e sorte sua que teve show deles por aí. Nao perca essas chances. Tem coisa que é chata fazer sozinho (tipo ir a um bar ou restaurante). Mas ir a algum show, de maior ou menor porte, onde voce fica em pé e no meio da galera, nao faz diferença nenhuma. Ate porque no show vc nao fica conversando com ninguem.

(a nao ser nos famigerados shows de musica baiana, onde o que importa é se pegar, encher a cara, sair na porrada, puxar cabelo e a musica é so um componente periférico no ambiente)

Ja fui em muito show sozinho e nunca me preocupei com isso. Agora mesmo nas ferias to juntando mundos e fundos pra conseguir ver o ACDC na Europa. Se fosse depender de outra pessoa pra fazer isso comigo, eu tava fodido.

E se eu tivesse aí, iria com voce ao show!!!

Come out and play!!!

Beijocas

Bel Lucyk disse...

- Nai, foi a primeira vez na vida que fiz isso! Foi legal mesmo! Em bsb eu era completamente dependente dos meus amigos! rs rs
- Dani Broder, só tenho uma coisa a dizer: foi show!
- Fafástica, não sabia que vc curtia offspring tbém! Que legal!
- Bóris, agora que eu aprendi, não vou mais depender de ninguem! Se eu amasse AC/DC eu te acompanhava, mas não é o caso! eheheheh beijocas

Antonio Ximenes disse...

Bel.

Parabéns pelo grito de independência !!! rs.

A sensação de liberdade quando a gente resolve fazer as coisas sozinho... (às vezes)... é bem legal.

Deixa eu te perguntar uma coisa: "Qual o nome da Cidade que tu curtia uma praia... perto de Fortaleza ??!?"

Você não vai acreditar... mas eu moro bem pertinho do Siara Hall... o lugar onde você quase se esgoelou de fanatismo pelo Offspring... rsrsrsrsr.

Sem falar no fato de que estudei minha vida inteirinha... no Colégio Hildete de Sá Cavalcante... que fica do lado dessa Casa de Show... rsrsrs.

Coincidência.

Abração pra tu.

Bel Lucyk disse...

Oi, Antônio! Tudo bom?
A praia em que fui com meu primo foi a Praia das Fontes. Um lugarzinho lindo!
O show foi no Mucuripe, mas já fui em eventos no Siará Hall! Dessa vez eu esgoelei longe da sua casa! ahahahahahah
Eu moro perto do Cocó! A gente é quaaaaaase vizinho! =)

Antonio Ximenes disse...

Foi mal...

Eu pensei ter visto um cartaz dizendo que o Offspring ia se apresentar lá no Siara Hall... rs.

Abração.