quinta-feira, 8 de janeiro de 2009

Fogos de Artifício


Quando era pequena, tinha pavor de fogos de artifício. Sempre que tinha final de futebol, campanha política, reveillon, carnaval ou qualquer outro motivo para que os fogos iluminassem a noite, eu me enfiava debaixo da cama, disputando espaço com o Rick e o Bilu. Acho até que aprendi a ter medo de fogos de artifício olhando para aqueles dois cães indefesos, em pânico, por causa do barulho.
À medida que fui crescendo, percebi que o barulho não era tão incômodo e a imagem dos fogos iluminando a noite... eram lindas! Desde então, sempre que tem fogos de artifício, eu paro o que estou fazendo e dou uma espiadinha. Acho mágico. Lindo.
Quem passou o reveillon no Beach Park, que aos meus olhos embriagados, foi perfeito, sabe que a queima de fogos foi digital (leia-se: fogos de artifício no telão, tipo Olimpíadas da China, quando filmaram as pegadas no céu alguns dias antes da abertura). Enfim, eu nem prestei muita atenção porque estava tentando me proteger de um amigo empolgado que queria jogar champagne em todo mundo. Mas sabia que estava faltando alguma coisa para o ano começar mesmo...
Ontem, quando tive a primeira noite normal em 2009, sem saídas e badalações... Quando pude ler meu livro, tocar um pouco de violão, ver tv, fazer um lanchinho light... ouvi um barulho lá fora. Fui até a janela e vi que alguém, não sei por qual motivo, estava soltando fogos de artifício. Desliguei as luzes do apartamento e fiquei lá, encostada na janela, apreciando o espetáculo que durou aproximadamente 2 minutos. Mas foi lindo! E ali, foi meu começo de ano!

Feliz 2009 para todos!

4 comentários:

Paula Menna Barreto Hall disse...

Happy New Year!!!!! Muitos fogos.... beijos

Bel Lucyk disse...

êêêêê
beijos

Madame Mim disse...

Esse ano será um estouro, :).

Bel Lucyk disse...

Vai sim! Se Deus quiser! E cada um fizer sua parte, né? rs rs bj