quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Zeca. Again


Dizem que algumas pessoas, à medida que vão ficando mais velhas, vão perdendo um pouco de senso: falam o que não devem, fazem o qua nunca foram capazes de fazer na frente dos outros...enfim... perdem a censura.
Depois de voltar a conviver diariamente com meu cachorro, cheguei a conclusão que isso também acontece com os seres de quatro patas. Ou ao menos, com o Zeca. O que acontece é que depois de 8 anos tentando pensar, de conseguir finalmente abrir a porta da geladeira, de roubar comida em cima da mesa e de outras estripulias, posso dizer que ele tem se superado. E agora ele tem feito o que sempre fez, mas que antes, era só escondido porque ele sempre soube que era errado.
Tudo começou no domingo, quando acordei de ressaca e fui ao supermercado comprar os ingredientes pra fazer cachorro quente e claro, comprar uma coca-cola. Enquanto o molho cozinhava, enchi meu copo e fiquei sentada em frente da tv. Depois de um tempo, fui dar uma mexida no molho e quando voltei meu cachorro estava com a cara dentro do meu copo. Ah sim, ele continuou mesmo depois de me ver. Briguei com ele, joguei a coca fora, troquei de copo e minha vida voltou ao normal.
Mas não foi só isso. Já contei aqui do meu ritual matinal com meu cachorro: enquanto me troco, ele geralmente fica debaixo das cobertas, no meu quarto, e quando termino de me arrumar ele pula e fica rodando na minha frente, doido para passear. Hoje pela manhã, terminei de me vestir, escovei os dentes, amarrei o cabelo e voltei para o quarto para calçar o tênis e correr para a academia. E quando voltei para o quarto, meu cachorro pulou, como faz todos os dias, mas resolveu parar pra tomar água no copo que deixo todos os dias ao lado da cama. E fez isso na minha frente como se não houvesse problema algum.
Cheguei à conclusão de que ele deve fazer isso há seis meses, desde que voltei para Brasília. Ou seja, bebo água com meu cachorro todos os dias, mas só descobri hoje. É mole?

2 comentários:

Vivian disse...

...Belzinha linda,

Natal é Paz, Natal é Amor,
Natal é Luz de nome JESUS!

...à você que caminhou comigo
por todo este tempo, e que
por isso considero um amigo
especial, um irmão de caminhada
nesta jornada terrestre,
à você que comigo "trocou"
tantos pensamentos e idéias
do bem,
quero deixar meus sinceros desejos
de que tenhas um maravilhoso NATAL!

um beijo!

Bel Lucyk disse...

Vivi! Um feliz natal pra vc tbém!
E um ano novo fantástico. E que possamos continuar nos encontrando no próximo ano, mesmo que seja só no mundo dos blogs! Te desejo muitas felicidades, viu? beijao